Notícias
Confiança no setor elétrico garantiu domínio das debêntures incentivadas, diz diretor da Aneel

André Pepitone também afirmou que o setor responde pela participação de 27% do total de debêntures do Brasil

Valor Econômico - 26/06/2020
Por Rafael Bitencourt


O diretor-geral da Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel), André Pepitone, disse na manhã desta sexta-feira que a confiança dos investidores no setor elétrico garantiu que 74% das aplicações em debêntures incentivadas, entre 2012 e 2019, fossem para projetos nessa área.

Durante debate com integrantes do setor, transmitido pelas redes sociais, o diretor da agência afirmou que o setor responde pela participação de 27% do total de debêntures do Brasil.

“São números sugestivos que corroboram com o ambiente de confiabilidade e segurança que estamos construindo, com elevado nível de competição", afirmou Pepitone, na transmissão ao vivo organizada pela Secretaria de Desenvolvimento da Infraestrutura, do Ministério da Economia.
 
O financiamento pelo mercado de capitais tem sido uma das principais apostas para a atual fase do setor, que não conta mais com o modelo antigo de apoio financeiro do Banco Nacional de Desenvolvimento Social e Econômico (BNDES). O banco público chegou a financiar 70% dos grandes projetos de usinas e linhas de transmissão de energia.

O diretor da Aneel destacou que a Standard & Poor's, em agosto do ano passado, e a Moody's, em outubro do mesmo ano, reconheceram que o marco regulatório do setor elétrico brasileiro propicia estabilidade e segurança para os investidores. “Os pronunciamentos dessas duas agências são muito importantes para coroar todo o trabalho que está sendo desenvolvido”, afirmou.




Secretaria Executiva 

Associação Fórum de Meio Ambiente do Setor Elétrico – FMASE
Rua Paes Leme, 215 - Ed. Thera Office - Conj. 504
São Paulo - SP - 05424-150
Tel.: 11 3089-8800 ou BSB 61 3327-6042
www.fmase.com.br